Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Receba as atualizações via Facebook. Just Click the Like Button Below

Powered By | Blog Gadgets Via Blogger Widgets

Receba as atualizações via Facebook. Just Click the Like Button Below

Powered By | Blog Gadgets Via Blogger Widgets

Cursos online:

Cursos Online - Cursos 24 Horas

Especial Dia Das Mães

Olá amigos, tudo bem com vocês?
Confiram dezenas de sugestões de lembrancinhas, cartões, murais, dicas de músicas, enfim todas as postagens de dia das mães contidas no blog  Cantinho Alternativo.
Clique na imagem abaixo:
 especial com sugestões para o dia das mães

Faça sua pesquisa

Pesquisa personalizada

Receba as atualizações gratuitamente:

Deixe seu email para receber as atualizações:

Delivered by FeedBurner

Seguidores

segunda-feira, 31 de agosto de 2009

facebook 9 blogger

Diorama da Primavera

9 comentários
Olha só esse diorama primaveril, chic não acham? 
Com ele você poderá contar histórias, falar sobre a primavera e etc.
Acompanhe o PAP das imagens:

 
 
  
  
  
  
  
  
  
  
  
 
  
Fonte: http://www.firstpalette.com/

Não vos sobreveio tentação que não fosse humana; mas Deus é fiel e não permitirá que sejais tentados além das vossas forças; pelo contrário, juntamente com a tentação, vos proverá livramento, de sorte que a possais suportar.
(I Corintios 10:13)

quinta-feira, 27 de agosto de 2009

facebook 5 blogger

Bicho papão

5 comentários

A Cabra Cabriola (Bicho Papão), era uma espécie de Cabra, meio bicho, meio monstro. Sua lenda em Pernambuco, é do fim do século XIX e início do seculo XX.
Era uma Bicho que deixava qualquer menino arrepiado só de ouvir falar. Soltava fogo e fumaça pelos olhos, nariz e boca. Atacava quem andasse pelas ruas desertas às sextas a noite. Mas, o pior era que a Cabriola entrava nas casas, pelo telhado ou porta, à procura de meninos malcriados e travessos, e cantava mais ou menos assim, quando ia chegando:
Eu sou a Cabra Cabriola (Bicho Papão)
Que como meninos aos pares
Também comerei a vós
Uns carochinhos de nada...
As crianças não podiam sair de perto das mães, ao escutarem qualquer ruído estranho perto da casa. Podia ser qualquer outro bicho, ou então a Cabriola, assim era bom não arriscar. Astuta como uma Raposa e fétida como um bode, assim era ela. Em casa de menino obediente, bom para a mãe, que não mijasse na cama e não fosse traquino, a Cabra Cabriola (Bicho Papão), não passava nem perto.
Quando no silêncio da noite, alguma criança chorava, diziam que a Cabriola estava devorando algum malcriado. O melhor nessa hora, era rezar o Padre Nosso e fazer o Sinal da Cruz.
Fonte: sitededicas.uol.com.br




"Porque o salário do pecado é a morte, 
mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna, 
por Cristo Jesus nosso Senhor." 
(Romanos 6.23)

domingo, 23 de agosto de 2009

facebook 10 blogger

Atividades para o folclore

10 comentários
Segue algumas atividades para trabalhar o folclore:







Fonte: Coleção Dente de Leite Vol. 4.

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

facebook 5 blogger

Vamos fazer um currupio?

5 comentários

Confira algumas sugestões de brinquedos e brincadeiras de antigamente para trabalhar o folclore.




Fonte:
Revista Guia Prático para professores de Ed. Infantil Especial Folclore



Lança o teu cuidado sobre o SENHOR,
e ele te susterá; não permitirá jamais que o justo seja abalado.
(Salmos55:22)

sábado, 15 de agosto de 2009

facebook 3 blogger

Fantoches folclóricos de meia

3 comentários

A criançada adora ouvir as histórias do nosso folclore, e nós professores temos muitas vezes que nos "virar nos trinta" para tornarmos nossas aulas cada vez mais criativa e atraente.
Assim sendo, achei essa sugestão que encontrei na Net, (sei que é da revista do Professor Sassá, só não tenho o número e ano), bem interessante pois os fantoches são confeccionados com meias e outros materiais que temos em casa, ou as crianças as tem e poderão levar pra aula.








Curupira
Sereia Iara



As misericórdias do SENHOR são a causa de não sermos consumidos, porque as suas misericórdias não têm fim;Novas são cada manhã; grande é a tua fidelidade. (Lamentações 3: 22,23)

sexta-feira, 14 de agosto de 2009

facebook 5 blogger

Vitória Régia

5 comentários
A lenda da Vitória Régia

Os pajés tupis-guaranis, contavam que, no começo do mundo, toda vez que a Lua se escondia no horizonte, parecendo descer por trás das serras, ia viver com suas virgens prediletas. Diziam ainda que se a Lua gostava de uma jovem, a transformava em estrela do Céu. Naiá, filha de um chefe e princesa da tribo, ficou impressionada com a história. Então, à noite, quando todos dormiam e a Lua andava pelo céu, Ela querendo ser transformada em estrela, subia as colinas e perseguia a Lua na esperança que esta a visse.
E assim fazia todas as noites, durante muito tempo. Mas a Lua parecia não notá-la e dava para ouvir seus soluços de tristeza ao longe. Em uma noite, a índia viu, nas águas límpidas de um lago, a figura da lua. A pobre moça, imaginando que a lua havia chegado para buscá-la, se atirou nas águas profundas do lago e nunca mais foi vista.
A lua, quis recompensar o sacrifício da bela jovem, e resolveu transformá-la em uma estrela diferente, daquelas que brilham no céu. Transformou-a então numa "Estrela das Águas", que é a planta Vitória Régia. Assim, nasceu uma planta cujas flores perfumadas e brancas só abrem à noite, e ao nascer do sol ficam rosadas.
Origem: Indígena. Para eles assim nasceu a vitória-régia.

Vamos fazer uma Vitória Régia?






Fontes:
http://lendasindios.blogspot.com/
Revista Guia Prático para professores de Ed. Infantil Especial Folclore


Livro indicado.
Compare os preços:




"Por ele, pois, ofereçamos sempre a Deus sacrifício de louvor, isto é, o fruto dos lábios que confessam o seu nome."
( Hb 13:15)


quinta-feira, 13 de agosto de 2009

facebook 3 blogger

Vamos fazer um cofrinho

3 comentários

Com esta sugestão além de ensinar a criançada a poupar e juntar uma graninha, estará ensina também reaproveitar materiais que certamente iriam para o lixo.

Para fazer o cofrinho:
  • caixa vazia
  • papel cartão para a carinha, orelha e focinho
  • olhos móveis grandes (outra sugestão é usar botões)
  • tubo de papel higiênico vazio




Fonte: http://smartbottomenterprises.blogspot.com/


Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos,
e não tivesse amor, seria como o metal que soa ou como o sino que tine.

(1 Co 13: 1)

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

facebook 5 blogger

Almofada criativa

5 comentários
As crianças de hoje aprendem a um ritmo estonteante, e ainda mais quando elas podem se beneficiar de orientação dos adultos.


Este travesseiro é muito fácil de fazer, pode ser decorado com as letras de seus nomes assim, elas aprendem a escrever seus nomes e de qualquer outra palavra que você deseja.
Os materiais que você irá precisar são:
  • Feltro (cor a escolha).
  • Almofadas individuais.
  • Botões coloridos.
  • Agulha e linhas coloridas
Para começar a trabalhar você deve fazer um molde com as letras que você precisa.
Tenha em mente o tamanho do travesseiro para definir o tamanho que você vai ter os moldes.




Fonte: http://www.guiademanualidades.com

"Felizes são os que ouvem a palavra de Deus e a guardam."
(Lucas 11 28)